»
Bonito é pouco hahahaha

Bonito é pouco hahahaha

Há 1 ano · 4 notas · Reblog
Chay Suede fala sobre seu carnaval marcante

Nessa sexta-feira (09/02) a revista capricho publicou em seu site uma matéria em que alguns famosos contam quais foram seus carnavais inesquecíveis. Chay Suede estava entre eles, veja o que ele revelou:

“Eu acho que o Carnaval mais marcante da minha vida vai ser o deste ano, que eu vou passar gravando o meu primeiro disco! Então acho que vai ser mais que especial aproveitar o Carnaval para fazer isso.”

Há 1 ano · 0 notas · Reblog

Entrevista do Chay no Comando Mix

Há 1 ano · 1 nota · Reblog
Entrevista do Chay para a Capricho.

Entrevista do Chay para a Capricho.

Há 1 ano · 150 notas · Reblog
Teu sorriso vale mais

Os dias passam
Tão lentamente que eu nem sei o que dizer
As coisas ficam
Daquele jeito que a gente quis demais

Sabe,
Já dura um tempo esse cheiro de vontade de você

Você sabia,
Que eu merecia um pouco mais do seu sorriso

Me deu parcelas,
De quinze vezes, sem juros sem prejuízo

Sabe,
Tenho certeza que seu sorriso vai virar uma canção

E essa canção é pra dizer
Que seu sorriso vale mais
Que um prejuízo pra esse pobre coração

E meu coração quer lhe dizer
Que o prejuízo não é nada
Comparado com o tamanho da canção

Há 1 ano · 0 notas · Reblog
Canto da sereia

Você e o pôr do sol
Juntos a me esperar
A terra dá uma volta e meia
Ouço o canto da sereia
Ela dá uma volta e meia no castelo de areia

Nós dois como crianças
Juntos a esperar o sol
Nunca mais te esquecerei
Você é a rainha e eu o rei
Perto de você me calo
Tudo penso e nada falo

Mesmo quando é noite
Nas tristes madrugadas
Você pode acreditar no silêncio e não chorar
Você pode acreditar
Com você quero ficar
Com você quero ficar no sol da barra acordar
Com você quero ficar no sol da barra acordar

Há 1 ano · 0 notas · Reblog
Papel

Descobri sentando perto dela
A moça mais bela
Que utimamente eu conheci
Me mostrou
Que a música perfeita
É aquela que enfeita
A casa antes de partir

E ficou aquela dúvida cruel
E pairou aquela dúvida cruel
Se meu coração pode ser feito de papel
Se meu coração pode ser feito de papel
Se meu coração pode ser feito de papel
Se meu coração pode ser feito de papel

Sonhei que enquanto te beijava
Você já me amava
Ia rolando pelo chão
Acordei
E senti nos teus olhos sentidos tão impróprios
Os próprios dizem sim e não

E ficou aquela dúvida cruel
E pairou aquela dúvida cruel
Se meu coração pode ser feito de papel
Se meu coração pode ser feito de papel
Se meu coração pode ser feito de papel
Se meu coração pode ser feito de papel

E se for mesmo de papel
Só penso no seu céu
E você nem queria amar
Mas eu posso te entregar
E nele você vai escrever uma canção pra namorar

E acabou aquela dúvida cruel
Não deixou nenhuma dúvida cruel
Sei que meu coração pode ser feito de papel
Sei que meu coração pode ser feito de papel
Sei que meu coração pode ser feito de papel
Sei que meu coração pode ser feito de papel
Sei que meu coração pode ser feito de papel

Uooohh
Feito de papel

Há 1 ano · 0 notas · Reblog
Aos meus heróis

Faz muito tempo que eu não escrevo nada
Acho que foi porque a TV ficou ligada
Me esqueci que devo achar uma saída, e usar palavras
pra mudar a sua vida!
Quero fazer uma canção mais delicada

Sem criticar
Sem aderir
Sem dar pancada

Mas não consigo concordar com esse sistema, e quero
abrir sua cabeça pro meu tema
Que fique claro a juventude não tem culpa
É o eletrônic fundindo a sua cuca
Eu também gosto de dançar o pancadão, mais é saudável
te dar outra opção

Os meus heróis estão calados nessa hora, pois já
fizeram e escreveram sua história
Devagarinho eu vou achando meu espaço, e não me
esqueço das riquezas do passado
Eu quero a benção de Vinícius de Morais
E o Belchior cantando como nossos pais

E se eu quiser falar com gil sobre o flamengo
O que será que o nosso Chico tá escrevendo?
Aquelas rosas já não falam de cartola, e do Cazuza te
pegando na escola
Tô com saudade do Jobim com seu piano, do Fabio jr.
com seus 20 e poucos anos

Se o Renato teve seu tempo perdido, o rei Roberto
outra vez o mais querido, a agonia do Oswaldo
Montenegro ao ver que a porta já não tem mais nem
segredos

Ter tido a sorte de escutar o Taiguara, e Madalena de
Ivan Lins beleza rara
Ver a morena tropicana do Alceu
Marisa Monte me dizendo beija eu
Beija eu, beija eu
Deixa que eu seja eu
beija eu beija eu
deixa que eu seja eu

O Zé Rodrix em sua casa no campo, levou Geraldo pra
cantar num dia branco
No chão de giz do Zé Ramalho eu escrevi
Eu vi Lulu, Benjor, Tim Maia e Rita Lee

Pedi ao Beto um novo sol de primavera
Ver o Toquinho retocando a aquarela
Ouvir o Milton lá no clube da esquina, cantando ao lado
da rainha Elis regina

Quero sem lenço, documento Caetano
O Djavan mostrando a cor do oceano
Vou caminhando e cantando com o Vandré
E á outra vida Gonzaguinha, o que é

Atenção DJ faça sua parte, não copie os outros seja
mais smart na rádio ou na pista mude a sequência,
mecha com as pessoas e com a consciência
Se você não faz letra inteligente, fica dominado e
limitadamente, faça refletir
DJ não se esqueça
Mecha o popozão, mas também a cabeça
A cabeça
A cabeça
A cabeça
A cabeça DJ
A cabeça!

Há 1 ano · 0 notas · Reblog
Vem que tem

Faz parte do jogo pular de cabeça nesse mar
Esse meu estima posso sem problema te mostrar
Dentro dos seus olhos busco um sorriso de matar
Se eu chego junto sem fazer barulho é só beijar

Vou deixar você perceber
Que a vontade chegou pra nós dois
Pra então eu poder dizer
Quero tudo denovo depois

Vem que tem!

E todo mundo diz: “ôh! o cara apareceu”
E quem me ignorou o rumo já perdeu
E todo mundo diz: “a galera tá na mão”
Abrace o mundo e depois sai do chão

Vem que tem! (3x)

Com sorte no jogo feliz no amor eu quero ser
Sentir o seu gosto sem nenhum pudor você vai ver
Moça tão bonita posso o seu quarto conhecer
Se tiver problema vamos pro cinema merecer

Essa noite eu e você
Tão grudados que nem dá pra ver
Quem sou eu e quem é você?
Fecho os olhos pra não esquecer (Ôh…)

Vem que tem!

E todo mundo diz: “ôh! o cara apareceu”
E quem me ignorou o rumo já perdeu
E todo mundo diz: “a galera tá na mão”
Abrace o mundo e depois sai do chão

E todo mundo diz: “ôh o cara apareceu”
E quem me ignorou o rumo já perdeu
E todo mundo diz: “a galera tá na mão”
Abrace o mundo e depois sai do chão

Abrace o mundo e depois sai do chão

Há 1 ano · 0 notas · Reblog
Onde estiver - Chay Suede
Vou tentar não esquecer

Das palavras que você
Disse antes de partir
Vou levar você comigo onde for
Mesmo quando não
Mesmo quando for

Sabe quando vi você
O meu tempo quis parar
Nos teus olhos encontrei
A razão pra não deixar mais de sonhar
Mesmo quando não
Mesmo quando for

Onde estiver vou te esperar
Mesmo quando não
Mesmo quando for
Ainda que você (que você)

Onde estiver vou te esperar
Mesmo quando não
Mesmo quando for
Ainda que você

Onde estiver vou te esperar
Mesmo quando não
Mesmo quando for
Ainda que você

Onde estiver vou te esperar
Mesmo quando não
Mesmo quando for
Ainda que você me esqueça

Há 1 ano · 0 notas · Reblog
theme por secret-dialogues + ajuda: 1, 2, 3, 4 e 5.